Return to site

 

Aplicativo aiqfome chega a cidade de Canindé, no Ceará

 

App de delivery ajudará clientes a realizarem pedidos de comida online.

Catedral de Canindé - Ceará

Nesta sexta (28), o aiqfome abre praça em Canindé, que recebe o aplicativo de delivery online. No estado do Ceará, outras seis cidades já possuem o app, sendo elas: Itapipoca, Crato, Juazeiro do Norte, Limoeiro do norte, Sobral e Tianguá.

Para realizar o pedido delivery nos restaurantes cadastrados, basta escolher o tipo de comida preferida, colocar os ingredientes e, se necessário, os adicionais e finalizar o pedido. O cliente recebe notificações desde o momento que o restaurante leu o pedido até o momento em que ele saiu para a entrega.

Na cidade, o aiqfome irá proporcionar aos clientes diversos tipos de comida, como pizzas, lanches, hambúrgueres, massas, açaís e japonesa. Até o momento, o aplicativo possui 13 restaurantes cadastrados em Itapipoca: Amo Açaí Delivery, Bibi Lanches, Burguer Pointer, Gui Pizzaria, Pizza e Cia, Ponto da Pizza, Wandão Lanches, Yassai, Boteco Los Primus, Hard Rock, Pizzaria Top, Rainha das Quentinhas, Sal na Brasa Grill e mais alguns que serão abertos no decorrer do ano.

Bruno Vaz ao lado de sua esposa

Bruno Vaz, que é licenciado e responsável por Canindé, atua há mais de 12 anos em uma rede de escritórios jurídicos do Ceará. Antes da cidade, Bruno já havia adquirido outras seis. “Começamos a investir no aiqfome em agosto de 2107 após um período de análise da empresa. A nossa primeira cidade foi Sobral que inaugurou em 12 de outubro do mesmo ano. Em pouquíssimo tempo vimos o potencial do negócio e resolvemos viajar para a cidade-sede do aiqfome, Maringá, e conhecer a empresa e o CEO Igor Remigio. Sem dúvidas o aiqfome tem a cara dos donos: objetivo, prático, descolado, bem humorado e verdadeiro com os clientes (licenciados e fominhas). Além da robustez do sistema e capacidade dos funcionários. Esses fatores nos levaram a ampliar geograficamente nossas licenças no Ceará. Canindé sempre esteve na mira do nosso crescimento por receber um intenso fluxo de pessoas durante todo o ano. Romeiros e franciscanos visitam a cidade em procissão de fé a São Francisco, tornando-a conhecida em todo estado como a cidade da fé, “a terra” de São Francisco. Pelo resultado obtido nas visitas dos estabelecimentos gastronômicos, não temos dúvida que o aiqfome vai ser o esplendoroso sucesso: o delivery já é rotineiro na cidade”.

 

O aplicativo está disponível para Android e iOS.

 

Restaurantes

 

O aiqfome não cobra taxas do restaurante no momento do cadastro, muito menos estipula período mínimo ou máximo de contrato, diferente de outros aplicativos de delivery, como o iFood. Todos os ganhos da empresa e licenciado vêm de um percentual que o estabelecimento paga de acordo com o que vende.

 

Qualquer restaurante que possua delivery pode se cadastrar e entregar pelo aiqfome. Isso ajuda o empreendedor, que pode ter um aumento de 30% a 40% nas vendas online do estabelecimento.

 

Licenciamento

 

O aiqfome é a terceira maior plataforma de delivery do Brasil e possui em seu banco de cadastros mais de 6 mil restaurantes, gerando cerca de 300 mil pedidos mensais. O modelo trabalhado pela empresa é o de licenciamento, bem similar à franquia, onde o empreendedor que deseja ser dono do aiqfome em sua cidade pode o fazer de forma mais simples, sem muita burocracia contratual e sem demora na abertura da cidade. Os processos são mais rápidos e ágeis, onde uma equipe de expansão atua para que o licenciado consiga ter seu negócio ativo o mais rápido possível.

 

O licenciado atua como agente local, operando o aiqfome em sua cidade e sendo sócio do empreendimento, realizado o relacionamento comercial com os restaurantes.

 

O investimento para comprar a licença, que é exclusiva por praça, varia de acordo com a população local. Os valores partem de R$20 mil para os municípios com até 80 mil habitantes e o prazo de retorno do investimento é estimado entre seis a 12 meses.

 

Se interessou? Saibas mais em nosso site para licenciados. Faça seu cadastro e baixe o nosso plano de negócios completo. Você pode ser o nosso próximo parceiro e ganhar dinheiro em um dos mercados digitais que mais crescem no Brasil.

Bruno Vaz, que é licenciado e responsável por Canindé, atua há mais de 12 anos em uma rede de escritórios jurídicos do Ceará. Antes da cidade, Bruno já havia adquirido outras seis. “Começamos a investir no aiqfome em agosto de 2107 após um período de análise da empresa. A nossa primeira cidade foi Sobral que inaugurou em 12 de outubro do mesmo ano. Em pouquíssimo tempo vimos o potencial do negócio e resolvemos viajar para a cidade-sede do aiqfome, Maringá, e conhecer a empresa e o CEO Igor Remigio. Sem dúvidas o aiqfome tem a cara dos donos: objetivo, prático, descolado, bem humorado e verdadeiro com os clientes (licenciados e fominhas). Além da robustez do sistema e capacidade dos funcionários. Esses fatores nos levaram a ampliar geograficamente nossas licenças no Ceará. Canindé sempre esteve na mira do nosso crescimento por receber um intenso fluxo de pessoas durante todo o ano. Romeiros e franciscanos visitam a cidade em procissão de fé a São Francisco, tornando-a conhecida em todo estado como a cidade da fé, “a terra” de São Francisco. Pelo resultado obtido nas visitas dos estabelecimentos gastronômicos, não temos dúvida que o aiqfome vai ser o esplendoroso sucesso: o delivery já é rotineiro na cidade”.

Restaurantes

O aiqfome não cobra taxas do restaurante no momento do cadastro, muito menos estipula período mínimo ou máximo de contrato, diferente de outros aplicativos de delivery, como o iFood. Todos os ganhos da empresa e licenciado vêm de um percentual que o estabelecimento paga de acordo com o que vende.

Qualquer restaurante que possua delivery pode se cadastrar e entregar pelo aiqfome. Isso ajuda o empreendedor, que pode ter um aumento de 30% a 40% nas vendas online do estabelecimento.

Licenciamento

O aiqfome é a terceira maior plataforma de delivery do Brasil e possui em seu banco de cadastros mais de 6 mil restaurantes, gerando cerca de 300 mil pedidos mensais. O modelo trabalhado pela empresa é o de licenciamento, bem similar à franquia, onde o empreendedor que deseja ser dono do aiqfome em sua cidade pode o fazer de forma mais simples, sem muita burocracia contratual e sem demora na abertura da cidade. Os processos são mais rápidos e ágeis, onde uma equipe de expansão atua para que o licenciado consiga ter seu negócio ativo o mais rápido possível.

O licenciado atua como agente local, operando o aiqfome em sua cidade e sendo sócio do empreendimento, realizado o relacionamento comercial com os restaurantes.

O investimento para comprar a licença, que é exclusiva por praça, varia de acordo com a população local. Os valores partem de R$20 mil para os municípios com até 80 mil habitantes e o prazo de retorno do investimento é estimado entre seis a 12 meses.

Assessoria de Imprensa - Gabriela Cadamuro

[email protected]

All Posts
×

Almost done…

We just sent you an email. Please click the link in the email to confirm your subscription!

OKSubscriptions powered by Strikingly